Max Sette (2008 – O que se Passou)

junho 8, 2009 at 10:44 pm Deixe um comentário

O carioca Max Sette de 31 anos, criado em Niterói é cantor, compositor, trompetista e produtor musical. Durante o período de 2002 a 2008 fez parte da Orquestra Imperial.

No primeiro cd de lançamento do grupo em 2007 “Carnaval só no ano que vem”, emplacou três sucessos: Ereção, Era bom e Salamaleque.

E nos bailes realizados pelo Brasil, Portugal, Inglaterra, Suiça, França, Espanha e EUA, ganhou destaque no grupo como “um dos grandes cantores desta geração” (REVISTA ROLLING STONE). “Max Sette, crooner de alguns dos momentos mais populares dos shows da big band, como Ereção, Era bom (esta com Wilson das Neves) e Gomalina”. (Leandro Souto Maior-JB).

Em 2005, lançou seu primeiro disco “Parábolas ao vento” no badalado festival de música “Barbicam” em Londres. No Brasil estreiou no teatro Rival BR e na extinta casa de jazz ” Mistura Fina” na Lagoa. Na internet lançou o albúm no formato que batizou de webdisc.net (um site que visa facilitar o donwload gratuito).

Esteve em uma temporada de 4 meses no Estrela da Lapa com o projeto “Namadera” em parceria com Wilson das Neves e Mariana Bernardes. O sucesso do projeto, resultou no seu mais novo disco “O que se passou”, com participação especialíssima de Wilson cantando, tocando bateria e assinando a maioria das composições em parceria com Max. Dois artistas de diferentes gerações que fizeram um apanhado heterogênio de suas habilidades musicais, cantando, tocando e compôndo.

Há também músicas de Max Sette em parceria com Marcelo Camelo, Cesar Bodão, Fábio Vasconcelos e com a atriz Helena Ranaldi, que estréia como compositora, assinando a música que dá nome ao disco, além de fazer também a direção artística do álbum.

É um disco especificamente de gafieira e bolero, com sonoridade acústica. Sua formação é piano, violão, bateria, baixo acústico, trompete, trombone e voz. Perfeito para um baile dançante e para os amantes do samba que gostam de jazz e vice verso. Suas bases e algumas vozes foram gravadas em 2008 no stúdio Zaga (Leo Gandelmam) em apenas um período. Um trabalho feito ao vivo sem ensáio.

Wilson das Neves e Max Sette compuseram algumas músicas durante o tempo em que estiveram juntos a frente da Orquestra Imperial.

1. Divina24 (3:40)

2. Fazer Nenem (2:33)

3. Gomalina (2:38)

4. Inocencia (5:05)

5. Parabolas Ao Vento (4:39)

6. Perfeicao (5:17)

7. Siquize De Volta Tem (2:53)

8. Subindo O Planeta (3:00)

9. Vacilow (4:28)



Download

Anúncios

Entry filed under: Max Sette.

DJ 440 – Lounges de Inverno (Mixtape promocional) São João chegando…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


DNA – DISCOTECA NACIONAL

Este blog nasceu no ano de 2008 e tem como principal existência, difundir a música brasileira de qualidade, seja através de bandas ou DJs.
A prioridade do blog é a difusão de trabalhos independentes. Sabemos que existem blogs que não agem da mesma forma, portanto, se alguém se sentir ofendido ou prejudicado com o conteúdo de alguma postagem, avise-nos por e-mail para que ela seja retirada imediatamente

============================
P.S. O site WORDPRESS não hospeda arquivos de música e os links aqui postados têm prazo de validade limitado. ============================
Administração e conteúdo por Juniani Marzani - DJ 440

Contato: discotecanacional@gmail.com

Categorias

Blog Stats

  • 650,247 hits

%d blogueiros gostam disto: