Dom Braga

setembro 21, 2009 at 11:32 pm Deixe um comentário

“Tudo que faço é de coração, e sempre vou usar minha música para transmitir a mensagem da maneira mais sincera e sensata que eu puder”. (Dom Braga)

Versando entre histórias do cotidiano e situações inusitadas, Dom Braga faz do dia-a-dia sua maior inspiração. Criado em Quintino, subúrbio do Rio, o cantor e compositor carioca descobriu cedo seu dom e talento para a música. Aos cinco anos de idade, muito antes de ter o seu primeiro violão, já passava suas tardes ouvindo samba, funk e soul. Os ritmos são influências marcantes na carreira que já dura doze anos. O trabalho de Dom Braga reflete bem o tempo em que ele vive, o seu dia-a-dia. Acertos e erros, caos e bonança, tristezas e alegrias, razão e emoções. Vale ressaltar, o reconhecimento do artista por aqueles que contribuíram, de uma forma ou de outra, e ainda contribuem com a sua formação. Isso é muito bom a todos que trabalham na produção cultural. Dom Braga não ficou imune a isso e, o mais importante, reconhece sempre a força e o valor daqueles que o ajudaram a formar-se.

E quando isso acontece, quando se reconhece valores musicais de gerações passadas e de agora, dificilmente a trajetória do artista deixa de ser exitosa… e o coração, às vezes, fala mais alto!

Acompanhado pela “Swingueira Fantástica”, Dom Braga ainda consegue adicionar pitadas de jazz e reggae à sua música, banhadas por muita MBP, aumentando ainda mais a sonoridade.

Não bastasse influências como Jorge Ben, Stevie Wonder, Djavan, Cassiano, Tim Maia, Robson Jorge, Ed Motta e Earth Wind and Fire, Dom Braga ainda traz na bagagem parcerias com Maurício Negão e Seu Jorge.

No bar da esquina ou na sala de casa, num espaço aberto ou fechado, isso é o que menos importa. E como diz o dito popular “quem tá na chuva é pra se molhar”, mas impossível é não sair molhado e de alma lavada quando o que se tem a frente é Dom Braga e sua Swingueira Fantástica.

Download

Anúncios

Entry filed under: Dom Braga.

Wado (2004 – A farsa do samba nublado) Wesley Noog (2008 – Mameluco Afro Brasileiro)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


DNA – DISCOTECA NACIONAL

Este blog nasceu no ano de 2008 e tem como principal existência, difundir a música brasileira de qualidade, seja através de bandas ou DJs.
A prioridade do blog é a difusão de trabalhos independentes. Sabemos que existem blogs que não agem da mesma forma, portanto, se alguém se sentir ofendido ou prejudicado com o conteúdo de alguma postagem, avise-nos por e-mail para que ela seja retirada imediatamente

============================
P.S. O site WORDPRESS não hospeda arquivos de música e os links aqui postados têm prazo de validade limitado. ============================
Administração e conteúdo por Juniani Marzani - DJ 440

Contato: discotecanacional@gmail.com

DNA no TWITTER

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Categorias

Blog Stats

  • 650,731 hits

%d blogueiros gostam disto: