Posts filed under ‘Azymuth’

Azymuth (2011 – Aurora)

Trio brasileiro pouco conhecido pelos jovens de sua pátria, mas cultuados no exterior, o Azymuth está desde 1970 na estrada mesclando com muita propriedade elementos de jazz, soul, funk e, claro, samba e mpb. No novo álbum “Aurora”, aliás, os ritmos e as percussões brasileiras ganharam ainda mais espaço, deixando um pouco de lado os metais tão em evidência tempos atrás.

Quase todo instrumental, o trabalho mostra mais uma vez o incrível entrosamento de José Roberto Bertami (teclados), Ivan Conti (bateria) e Alex Malheiros (baixo e guitarra), sendo que esse último acaba assumindo naturalmente a frente do negócio.

O repertório é variado e traz, além da progressiva faixa-título e da já citada fusão de diversos gêneros, algumas totalmente disco e retrô como “É Mulher”, a experimental “Crazy Clock” e as suaves e belíssimas “In My Treehouse Prelude 1” e “In My Treehouse Prelude 2”.

“Aurora” não é exatamente um álbum moderno nem surpreende pela inovação (pelo menos para quem já ouviu outras gravações do grupo). Mas tem a combinação explosiva de talento, técnica e pegada brasileira, no melhor sentido da palavra, que não se encontra assim tão facilmente. Isso significa que o Azymuth continua com uma vibração, uma energia e uma criatividade que vão deixar muito gringo morrendo de inveja e se perguntado: “How it’s possible?”.

Download 

setembro 30, 2011 at 5:42 pm Deixe um comentário

Azymuth – (2006 – Roda Piao Remixes)

Azymuth é um trio brasileiro de diversas influências. Pensar na MPB dos anos 70 (e começo dos 80) sem lembrar do grupo niteroiense Azymuth é um erro histórico. O trio formado por José Roberto Bertrami (teclados), Alex Malheiros (baixo) e Ivan Conti, o Mamão (bateria) participou de quase tudo o que vale a pena ser citado daquela época – quase todos os álbuns da Philips (hoje Universal) dos anos 70 os tinham como músicos de estúdio. Eles estiveram em movimentos como a jovem guarda, a bossa-nova, o soul nacional (figuraram em álbuns de Trio Ternura, Tony Tornado, Tim Maia, Hyldon), o rock brasileiro dos anos anos 70 (idem com discos de Raul Seixas, Rita Lee e Erasmo Carlos), além de deixar sua marca em trilhas de novelas. Sua sonoridade – calcada em teclados antigos e batidas que unem soul, jazz, samba e rock – acabou sendo largamente usada em trilhas sonoras, novelas, filmes, etc. Mas ainda hoje, o Azymuth é mais reconhecido lá fora do que aqui no Brasil, com direito a edições especiais por selos gringos, que não saem nunca por aqui.
Atualmente cultuados em Londres, onde o sucesso de “Jazz Carnival” na época do Disco, invadiu as pistas de dança das discotecas inglesas e faz com que DJ’S mixem e remixem os hits tão admirados por eles.

Download

abril 6, 2009 at 4:28 am Deixe um comentário


DNA – DISCOTECA NACIONAL

Este blog nasceu no ano de 2008 e tem como principal existência, difundir a música brasileira de qualidade, seja através de bandas ou DJs.
A prioridade do blog é a difusão de trabalhos independentes. Sabemos que existem blogs que não agem da mesma forma, portanto, se alguém se sentir ofendido ou prejudicado com o conteúdo de alguma postagem, avise-nos por e-mail para que ela seja retirada imediatamente

============================
P.S. O site WORDPRESS não hospeda arquivos de música e os links aqui postados têm prazo de validade limitado. ============================
Administração e conteúdo por Juniani Marzani - DJ 440

Contato: discotecanacional@gmail.com

Categorias

Blog Stats

  • 650,736 hits